Projeto 6 on 6 Canada – Setembro 2021 – Vizinhança

Projeto 6on6 Canada

Hoje é dia de Projeto 6 on 6 Canada no blog com o tema “Vizinhança”. Ao invés de falar do bairro onde eu moro, quero aproveitar o tema para falar dos pontos positivos e negativos dos bairros e regiões em que morei. Vivendo há tanto tempo por aqui, tive a oportunidade de me mudar diversas vezes e conhecer diferentes regiões da Grande Victoria.

Lembrando que esse post retrata a minha opinião e experiência. As pessoas têm diferentes expectativas conforme o estilo de vida e o momento pelo que estão passando.

1. North Park

Positivos: Como está bem próximo do centro de Victoria, dá para fazer praticamente tudo andando ou de bicicleta. Tem acesso fácil de ônibus para diferentes regiões.

Negativos: Custo do aluguel alto e proximidade à Pandora Street (região do McDonald’s e Our Place Society), onde muitos dos problemas de Victoria acontecem devido ao grande número de usuários de drogas na região. Já aconteceu de encontrarmos lixo, roupas e comida na porta de casa. 

2. Colwood/Langford

Positivos: Casas e apartamentos novos com valores mais acessíveis que a área central. Você não precisa ir a Victoria para nada, a região tem tudo: mercados, shoppings, médicos, parques, restaurantes, academia, etc. O custo de vida acaba sendo menor que o da região central, já que os valores de produtos e serviços são mais em conta.

Galloping Goose Regional Trail passa pela região, sendo uma ótima opção para quem gosta de andar de bicicleta. Eu amava ir pedalando até Metchosen ou Sooke.

Negativos: Não há muitas opções de transporte público para quem estuda na Universidade de Victoria. Na época em que morei em Langford e estudava à noite, meu marido me buscava para que eu não tivesse que pegar dois ônibus e andar 20 minutos para chegar em casa. Eu morava bem na divisa de Colwood com Langford, perto do Westshore. Tinha uma linha de ônibus (#51-Uvic) que saía da esquina de casa direto para a UVIC. O problema é que a frequência era de somente seis vezes ao dia.

Outro ponto negativo, na minha opinião e de muitos amigos e familiares que moram lá há anos, é que a região está passando por um processo de desenvolvimento muito rápido e estão destruindo a natureza que era um dos atrativos do lugar.

Estão cortando muitas árvores, mas não estão replantando, desmatando montanhas e construindo casas e apartamentos. Gramas sintéticas estão sendo colocadas nas novas calçadas ao invés de natural. Estão levantando prédios e mais prédios sem pensar na infraestrutura das ruas. Visito a região com frequência e tenho me chocado com o trânsito em algumas ruas e avenidas e a falta de verde.

3. View Royal

Positivos: O bairro fica entre o centro de Victoria e Langford, sendo fácil ir para ambas as regiões. Custo com o aluguel mais em conta que a região central, porém mais alto que Langford. O bairro é lindo, bem familiar e sossegado e tem a Galloping Goose Trail e Thetis Lake.

Negativos: Para quem quer comprar uma casa, o valor chega a ser surreal e a maioria delas são bem antigas. Dependendo do local que você mora fica mais difícil usar o transporte público. Eu morei perto do hospital e tinha bastante opções de linhas de ônibus para o centro.

Leia também: Bairros e regiões da cidade de Victoria no Canadá!

4. Rockland

Positivos: Perto do centro de Victoria, 15 a 20 minutos andando e menos de 10 minutos de ônibus ou bicicleta. Fácil acesso a diversos pontos turísticos, restaurantes, bares, praias e também para a Uvic e Camosun College usando o transporte público.

Negativos: Casas e apartamentos antigos com um aluguel muito alto. Morei perto do Craigdarroch Castle, então na alta temporada fica cheio de turistas. Eu não me incomodava, até gostava, mas alguns vizinhos reclamam do movimento intenso de pessoas. Lembrem-se de que nem todos os turistas são educados.

5. Oaklands

Positivos: Alguns minutos de ônibus da Universidade de Victoria e do centro. Para alunos do Camonsun College (campus Landsdowen) dá para ir andando. Morei próximo ao Hillside Mall, onde tem mercado, lojas, banco etc, o que facilita bastante o dia a dia. Eu gostava do acesso fácil para a Willows Beach pedalando. Custo com aluguel um pouco mais em conta que o da região central.

Negativos: Apartamentos mais antigos e difícil acesso para outros pontos da cidade. Na época que morei em Oaklands, eu tinha amigos morando em Langford e Esquimalt e sentia a falta de ter um carro para poder visitá-los, já que as opções de ônibus durante o final de semana eram bem limitadas.

6. James Bay

Eu não morei em James Bay, mas sempre frequentei muito a região, já que tenho amigos que moram lá e pedi para eles me darem a opinião deles sobre o bairro.

Positivos: Dá para caminhar para diversos pontos turísticos, como Fisherman’s Wharf e Parlament Buildings, poder assistir o por do sol na Dallas Road, quadra de tênis no bairro, mercados e restaurantes perto de casa, sentir o cheiro do mar, ampla opção de linhas de ônibus, excelente centro médico de urgência.

Negativos: No verão, em tempos normais, sem pandemia, a região fica cheia de turistas, com muito trânsito e ruas mais sujas. Preços caros de aluguel e de mercado. Além disso, venta muito na região, mesmo durante o verão, deixando as temperaturas amenas. Como a diferença de temperatura entre James Bay e Langford pode chegar a 5 graus, não é o lugar ideal para quem gosta do calor. Algumas ruas principais, como Simcoe Street, são bem movimentadas e barulhentas.

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.