victoria

Vida em Victoria – Entrevista com Regina Duque

Hoje tem o projeto Vida em Victoria no blog! Com o intuito de compartilhar outras experiências e diferentes pontos de vista, resolvi convidar brasileiros que moram em Victoria para contar aqui no blog um pouco sobre eles.

A minha convidada especial de honra é a Regina Duque. Ela tem um perfil bem diferente de todos que já passaram pelo projeto, afinal veio para o Canadá na melhor idade.

A Regina foi uma das primeiras a acompanhar o blog e as minhas redes sociais. E através da filha dela, que virou minha amiga, descobri que ela é uma das minhas fãs e fiquei super feliz! 

Afinal, mal sabe ela que eu sou fã dela também. Admiro a coragem que ela teve de mudar de país quando a maioria das pessoas na idade dela estão pensando em se aposentar. Mas ela não, veio estudar e recomeçar no Canadá!

Pri: O que você faz no Canadá? 

Regina: Eu vim ao Canadá para estudar Business e com a intenção de ficar. Eu iniciei meus estudos na Camosun mas no segundo semestre decidi ir a UVic fazendo Business Administration e esse mês finalizei meu último termo.  

Pri: Por que você escolheu Victoria? 

Regina: Estávamos estudando sair do Brasil há um bom tempo. Já estávamos em nossos 60 anos e procurávamos segurança e estabilidade para velhice e Flórida era uma opção. Até que um amigo brasileiro comentou “Não tome nenhuma decisão antes de conhecer Victoria”. E foi assim que em 2017 fiz minha primeira visita a cidade e aqui fiz meu ninho junto com minha filha caçula. 

Foi a melhor decisão que poderia ter tomado. 

Pri: Na sua opinião, quais são os pontos positivos de morar em Victoria?

Regina: Sou Paulistana e cresci naquele trânsito maluco de Sampa. Victoria é uma cidade tranquila, de trânsito tranquilo, motoristas disciplinados. 

Adoro passear, andar sem destino e nos meus passeios exploratórios aproveito para apreciar um pouco de tudo: a arquitetura, os jardins floridos, luzes e observar as pessoas. Aos finais de semana, quando posso, vou passear nos parques. Respirar o ar puro daqui me faz bem, e ver como a natureza está desenhada aqui. Breathtaking! 

Pri: E os negativos?

Regina: Sinceramente, não tenho nada a apontar como negativo. Eu amo essa cidade.

Bem, o que posso pontuar não é sobre a cidade em si. Outro dia, uma senhora canadense comentou que alguns Canadenses são meio mau humorados. Depois de um tempo, cheguei a conclusão de ser um pouco verdadeira na afirmativa mas nunca me lembro de ter sido realmente mal tratada.   

Pri: Qual é o seu lugar favorito na cidade? 

Regina: Vale uma lista? Parques, restaurantes, cafés, chás etc?

Dentro todos, gosto de caminhar na calçada da Oak Bay e admirar esse Pacífico azul e um bom chá na Huntingdon Manor. 

Outro lugar favorito mas não fica precisamente em Victoria é ir ao Goldstream Park. Em um dos meus passeios até cheguei a ver um baby bear o que foi uma das cenas mais marcantes para mim aqui em Victoria.

Pri: Que dica ou conselho você daria para quem está planejando morar no Canadá?

Regina: Uma mudança sempre causa um grande impacto emocional. Sair do país não é uma decisão que se faz de um dia para outro. Exige planejamento e considerações, determinação e despedidas. Vale considerar o quanto se está disposto a “abrir mão” e começar de novo. Depende do quanto resiliente se é e o quanto você e sua família estão dispostos a rever valores.

O Canadá é um excelente país para imigrar (e vamos dizer que na minha idade ainda sim, pode ser um belo desafio). Mas aqui eu me sinto protegida – mesmo como imigrante – além de ter uma economia estável e do país ser relativamente organizado. Morar no Canadá tem sido um bom recomeço mas é aprender a lidar com as diferenças de culturas, sobrepor conceitos (e pré-conceitos). 

Nunca imaginei que poderia crescer e amadurecer tanto como aqui. Conheci e tenho conhecido continuamente pessoas maravilhosas, brasileiros ou não, que tem me ensinado muito nesta minha nova etapa de vida e posso dizer com grande convicção que o Canadá não foi a primeira escolha mas definitivamente foi a melhor.

Regina, muito obrigada por aceitar o meu convite para fazer parte do Projeto Vida em Victoria. 

Aos leitores, fiquem de olho no blog! Todo mês vou entrevistar um brasileiro ou brasileira, que admiro, para o projeto.

Leia também: Meu plano Canadá e como Victoria entrou na minha vida.

Fonte das fotos: Regina Duque

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.