English Language Centre UVIC

Escolas de inglês em Victoria – Parte 5 – English Language Centre UVIC

No quinto post sobre as escolas de inglês em Victoria, no Canadá, vou falar sobre a escola que faz parte da Universidade de Victoria (UVIC), chamada de English Language Centre (ELC).

Se você perdeu o artigo onde explico sobre este post, não tem problema, basta ler aqui: Qual é a melhor escola de inglês em Victoria, Canadá? que você vai entender melhor a ideia dos posts.

Escola de inglês English Language Centre UVIC

Cursos oferecidos:
  • Summer language and culture
  • Summer academic intensive program
  • Monthly English
  • 12 weeks intensive English
  • University Admission Preparation
  • University Pathway Programs for International Students
  • IELTS Preparation
  • TOEIC Preparation

Eu estudei inglês na English Language Centre UVIC no final de 2011 e começo de 2012. Como sei que alguns programas de lá para cá mudaram um pouco, entrei em contato com a escola para entender o que mudou.

O prédio onde fica a escola passou por reformas e está muito mais moderno e aconchegante. Atualmente, a ELC tem 26 salas de aulas e 3 laboratórios.

O novo e belo átrio tem microondas, pias, chaleiras e mesas de jogos. Os estudantes podem usar os computadores da Biblioteca McPherson e o Laboratório de Linguagem Assistida por Computador (CALL) para aprimorar os estudos.

English Language Centre UVIC

Quem são os alunos da escola English Language Centre da UVIC?

Cada turma tem em média 15 alunos, sendo o máximo 18. A maioria dos alunos vem do Japão, China, Coréia, Arábia Saudita e México. A média de estudantes brasileiros varia conforme a época do ano e programas oferecidos, no entanto, fica entre 5% e 10%.

Diferentemente das demais escolas, a faixa etária na English Language Centre Uvic não é tão variada. Em média os alunos têm 20 anos, e precisam ser maiores de 18 anos para poder estudar lá.

A escola não oferece nenhum programa específico para quem tem mais de 50 anos, como a escola Global Village faz. E também não aceita adolescentes.

Atividades extras oferecidas pela escola

Há um espaço chamado ELC Learning Centre onde professores, assistentes culturais e voluntários locais ajudam os alunos a melhorar as suas habilidades em inglês. O aluno pode frequentar o espaço antes ou depois da aula.

Eles oferecem cursos de pronúncia e de escrita, suporte com as lições de casa, conversas com voluntários para melhorar o speaking e entender sobre a cultura canadense. Não há custo extra para essas atividades.

English Language Centre UVIC

As atividades sociais e culturais são organizadas pelos assistentes culturais da English Learning Centre Universidade de Victoria. A escola tem uma equipe chamada de ELC Socio-cultural team que só cuida dessa área. Os assistentes culturais são alunos dos cursos de graduação da Uvic que estão familiarizados com a universidade e com a cidade de Victoria. As atividades organizadas por eles podem ser gratuitas ou pagas.

Recentemente, a ELC ganhou o prêmio 2017-18 Cultural Excellence Award by iStudy, uma publicação de viagens internacionais que seleciona os vencedores com base em suas conquistas e pontos fortes no setor educacional.

Cursos de inglês

Um dos cursos que eu já ouvi falar bem é o curso de um mês chamado de Monthly English. São 20 horas semanais de curso com foco em speaking e listening.  A minha irmã fez esse curso e outros brasileiros que conheço também. O que eles me falaram é que apesar do curso durar somente quatro semanas, ele é bem intenso e cheio de atividades. Eles sentiram que ficaram mergulhados na língua durante o período.

Eu cursei o 12-Week Intensive English (ELPI) no final de 2011 e começo de 2012. O curso é intensivo com 30 horas semanais de aulas. Fiquei satisfeita com o programa. O que eu mais gostei é que as aulas são divididas entre dois professores, um foca na gramática e o outro no speaking.

Acho importante ouvir pessoas diferentes falando e ensinando inglês, já que cada professor tem o seu jeito de ensinar e o seu sotaque. Às sextas feiras, tem aulas eletivas que você pode escolher conforme o seu interesse.

English Language Centre UVIC

Cursos de inglês para quem deseja ingressar na universidade

A escola também oferece curso de preparação para o IELTS e o TOEIC com duração de 4 horas semanais. A maioria dos alunos faz esses cursos como aulas eletivas que fazem parte do 12-Week Intensive Program, assim eles não precisam pagar uma taxa extra para fazer os cursos.

Há outros programas para quem deseja ingressar em um curso de graduação na Universidade de Victoria, porém não atingiu a pontuação mínima exigida no IELTS (6.0) ou no TOEFL (90). São eles: University Admission Preparation (UAP), University Pathway Program e University Admission Preparation – Advance English and Canadian Studies (summer).

Leia também: Profissional de intercâmbio dá dicas para quem quer estudar fora!

O que vai determinar o curso que você poderá cursar é o seu nível de inglês. O UAP é para aqueles que têm um nível avançado. Já o University Pathway Program é focado nos alunos que tem um bom nível de inglês, mas não o suficiente para acompanhar o programa UAP.

O University Admission Preparation – Advance English and Canadian Studies (Summer) é um curso intensivo de 4 semanas no verão. Ele é focado nos alunos que vão iniciar seus estudos na Universidade de Victoria em setembro, mas não atingiram os requisitos da língua inglesa.

A experiência de uma amiga com o curso University Admission Preparation – Advance English and Canadian Studies (summer):

Uma amiga fez esse curso é quero dividir com vocês a experiência dela. Para ingressar nesse programa, ela precisou fazer o IELTS e ter 6.0 e 5.5 de média em cada habilidade. O objetivo do curso é fazer o aluno alcançar o 6.5, pontuação necessária para ingressar na UVIC, com mínimo de 6.0 em cada habilidade.

O que ela me disse é que achou que conseguir a média no IELTS é muito mais fácil do que fazer esse curso. E que colegas de sala dela tinham feito um curso de três meses de inglês, antes de começar esse programa. Ela era a única que não havia feito esse curso e só descobriu sobre isso depois que já estava no programa. O que a deixou em desvantagem em relação aos colegas de turma.

Ela acredita que a escolha desse programa, no caso dela, não foi acertada, já que ela estava mudando de país e não estava praticando inglês até chegar aqui.

Sobre a matéria estudos canadenses, ela me contou que achou o conteúdo fraco. Isso porque a maioria dos alunos é de chineses e eles não tem um bom conhecimento de história americana.

Para poder passar no curso, o aluno precisa ter no mínimo 60% de aproveitamento em estudos canadenses e 80% em inglês. Na turma dela, de 14 alunos, 10 foram reprovados.

Ela não indica esse curso intensivo. Ela acha que há outros programas mais eficazes para quem quer entrar em uma universidade. 

Acho válido dividir com vocês o depoimento dela, pois se alguém estiver pensando em fazer esse curso para ingressar na universidade, mas não vem praticando o inglês já faz um tempo, poder ser que essa não seja a melhor opção.

Vamos aos depoimentos de quem estudou na escola de inglês English Language Centre UVIC?
Larissa Suckow – estudou em 2018

“Fiz um mês de aula de inglês na Universidade de Victoria. Escolhi esse curso pois vi que, além das aulas, existiam muitas atividades extras. Quando cheguei, me surpreendi muito! Realmente todo o tempo tínhamos atividades extras e contato com pessoas de todas as partes do mundo! A maioria era da Ásia, o que me fez descobrir muitas coisas legais e diferentes dessas culturas tão distantes da brasileira.

As aulas eram muito interativas, tínhamos que fazer apresentações, falar com os outros alunos sobre os mais diversos assuntos. Outro ponto importante foi que encontrei poucos brasileiros, então, tive que falar muito em inglês, o que era meu objetivo. Fora que a cidade é linda e as pessoas são muito atenciosas e educadas. Resumindo, minha experiência foi maravilhosa e recomendaria com certeza o curso.” 

Priscila Carda – estudou em 2011/2012

“Estudei inglês na escola Enlgish Language Centre UVIC no final de 2011 e começo de 2012, e, no geral, gostei bastante da escola. Fiz o programa 12-Week Intensive English (ELPI). As aulas de listening no laboratório me ajudaram muito a melhorar a minha habilidade de entender os nativos. Gostei muito também das aulas de pronúncia que são em grupos pequenos de aluno que falam a mesma língua materna. O professor foca na dificuldade de cada um, mas o ponto negativo é que dos 6 meses em que estudei na UVIC, só consegui a minha vaga por dois meses nas aulas de pronúncia.

Apesar de ter bastante alunos nas salas, de 15 a 18 alunos, as aulas são bem interativas e dinâmicas. Os professores dão muita lição de casa e trabalhos com apresentações que me ajudaram a ganhar vocabulário e perder o medo de falar inglês em público. Como a escola faz parte da universidade, os alunos têm acesso há várias atividades que acontecem no campus.”  


Obrigada Larissa pelo depoimento, com certeza irá ajudar quem está pesquisando sobre estudar inglês em Victoria.

Se você também estudou na English Language Centre UVIC?, deixe o seu depoimento nos comentários e ajude outros brasileiros na escolha da escola. Obrigada!

Quer estudar na English Language Centre UVIC? Preencha o formulário abaixo que um consultor de intercâmbio lhe enviará uma cotação.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.